28 March 2009

Casa de Lu

Para aqueles que de longe chegam
boas vindas!
É assim casa de lá...,
das bandas do Mato a Dentro.
Canto p’ra descanso em pouso
onde nem pensamento, em pressa, chega.
Apea da alma peso.
Aqui é casa de brisa, de alegria leve,
casa de lá, de Lu.

Para os que passam e esquecem de dizer: “bão!”

19/08/2006

23 March 2009

NE-Influências de brisas

Quando se vê (,)
o mar (,) quando chove
é belo:
Uma fina linha escura longe, lá longe.

Quando sente calor,
o mar quando sol
ainda belo:
Ele transforma em azul.

Se paras a olhar mar
e perde de ti seu rumo
descontente, confuso, imundo
com âncora corrente e pernas
fundidos em um só substantivo
Contraia em espasmo!
Solfeje dor que lhe causa.
-Causa da dor é o grito?

Se te parece confusa vida
Pira-te neste instante segundo,
vomita o sal de volta ao mundo
que este mar por vez te trouxe.

"Nesse mar que lua nasce
se foi meu amor
Traz pra mim, oh mar, de volta
quem partiu e lá ficou"